A satisfação e seus impactos na fidelização dos estudantes na educação básica

Mauro Forlan Duarte Campos, Laércio José Silva Filho, Lilian Araújo Ferreira Zaidan, Verônica dos Reis Borba

Resumo


Um dos grandes desafios na estratégia de marketing das Instituições de Ensino na Educação Básica é a manutenção da sua base de estudantes. Estudos anteriores apontam um aumento significativo no custo da busca por novos estudantes em relação ao custo de reter os estudantes já matriculados. Nesse sentido, pesquisar sobre a satisfação do estudante no contexto escolar se mostra uma estratégia efetiva na redução de gastos. Neste trabalho, foram analisados os níveis de satisfação de estudantes pertencentes, durante 8 anos ou mais, ao Colégio Projeção de Taguatinga – Distrito Federal. Métodos estatísticos e de pesquisa foram aplicados para análise das relações dos conceitos de confiança, qualidade percebida dos serviços prestados, lealdade e de comprometimento com a marca. Os resultados apontam um alto índice de satisfação pelos serviços prestados, o bom relacionamento com professores e a valorização da estrutura física das suas salas de aula como ponto de destaque entre os estudantes que se encontram matriculados no colégio há mais de oito anos. Entretanto, a aferição da satisfação sobre a integração acadêmica teve o desempenho mais baixo do estudo, principalmente sobre a participação nas atividades ofertadas pelo colégio, que em tempos de pandemia e isolamento social foram prejudicadas.


Palavras-chave


Satisfação; Lealdade; Qualidade; Comprometimento; Fidelização

Texto completo:

PDF

Referências


AAKER, D. A. Brand equity: gerenciando o valor de marca. São Paulo: Negócio, 1998.

BARROSO, C; MARTIN, E. Marketing Relacional. Madri: Esic Editorial, 1999.

BERGAMO, F. V. de M. A lealdade do estudante baseada na qualidade do relacionamento: uma análise em instituições de ensino superior. Dissertação (Mestrado), Universidade Metodista de Piracicaba, Piracicaba, 2008.

BOGMANN, Itzhak Meier. Marketing de relacionamento-estratégias de fidelização e suas implicações financeiras. São Paulo: Livraria Nobel, 2002.

BOZZA, Amanda. Guia completo de Marketing Educacional para captação de matrículas. Wpensar, 2017.

CARVALHAL, Breno Brossard. Comprometimento Emocional, Lealdade e Amor à Marca: a construção entre estudantes e as instituições de ensino superior/Breno Brossard de Mello Carvalhal – ESPM. São Paulo, 2019.

HENNIG-THURAU, T.; LANGER, M. F.; HANSEN, U. Modeling and Managing Student Loyalty: An Approach Based on the Concept of Relationship Quality. Journal of Service Research, Journal of Service Research [S. l.], v. 3, n. 4, p.331-344, 2001.

INEP, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais. Sinopse Estatística da Educação Básica 2017. [Online]. Brasília: Inep, 2017. Disponível em: http://portal.inep.gov.br/basica-censo-escolar-sinopse-sinopse. Acesso em: março de 2021.

KOTLER, Philip. Administração de Marketing. 10. ed. São Paulo: Prientice-Hall, 2000.

KOTLER, Philip; ARMSTRONG, Gary. Princípios de Marketing. 12. ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2007.

LIKERT, R. A technique for the measurement of attitudes. Archives in Psychology, 140, p. 1- 55, 1932.

MALHOTRA, N. K. Marketing Research: an applied orientation. 3. ed. Upper Saddle River: Prentice-Hall, 1999.

MARQUES, Licione Torres. Validação de Um Modelo de Lealdade do Estudante com Base na Qualidade do Relacionamento. Dissertação (Mestrado). Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, 2008.

OLIVEIRA, Braulio. Gestão de Marketing. São Paulo: Pearson Prentice Hall,2012.

PANSARI, A., & KUMAR, V. Customer engagement: the construct, antecedents, and consequences. Journal of the Academy of Marketing Science, 45: 294–311, 2017.

PRADO, P. H. M. A Avaliação do Relacionamento sob a Ótica do Cliente: Um Estudo em bancos de Varejo. Tese (Doutorado em Administração de Empresas) EAESP – FGV, São Paulo, 2004.

PRAHALAD, C. K., & RAMASWAMY, V. O futuro da competição. Como desenvolver diferenciais inovadores em parceria com os clientes. Rio de Janeiro: Campus, 2004.

REICHHELD, F. A pergunta definitiva 2.0. Rio de Janeiro: Elsevier, 2011.

RUST, Roland T., ZEITHAML, Valarie, LEMON, Katherine N. O valor do cliente customer equity: o modelo que está reformulando a estratégia corporativa. Porto Alegre: Bookman, 2001.

SANTOS, L., & ALMEIDA, L. S. (2001). Vivências acadêmicas e rendimento escolar: Estudo com alunos universitários do 1.º ano. Análise Psicológica, 19, 205-217.

TSCHOHL, J.; FRANZMEIER, S. A satisfação do cliente: como alcançar a excelência através do serviço ao cliente. Tradução Anna Terzi Giova. São Paulo: Makron Books, 1996.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.