A percepção dos profissionais de secretariado executivo quanto á importância da cientificidade da área

Jose Mailton da Silva

Resumo


O tema proposto surgiu da necessidade de verificar a percepção dos profissionais de secretariado executivo quanto à importância da cientificidade da área, tendo em vista que a área ainda não é reconhecida como uma ciência pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico (CNPq). A percepção é o processo ativo de perceber a realidade e organizá-la em interpretações e visões sensatas e ocorre por meio dos sentidos. Cientificidade é o que garante que uma profissão pertença a uma área do conhecimento e para que tenha reconhecimento cientifico ela precisa de pressupostos básicos: um campo científico e essencialmente de um objeto de estudo. No caso do secretariado executivo, o campo científico é a ciência da assessoria e o seu objeto de estudo se baseia na assessoria que envolve o saber e o fazer secretarial. Tendo como base a definição de percepção e cientificidade, surgiu o problema de pesquisa do presente artigo: como os profissionais de secretariado executivo percebem a importância da cientificidade da área? Por meio dos dados coletados e analisados, verificou-se que os profissionais de secretários executivos percebem a importância da cientificidade. A metodologia aplicada foi a descritiva, enquanto na análise o método utilizado foi a pesquisa quantitativa e a abordagem foi realizada por meio de pesquisa de campo. O instrumento de pesquisa foi o questionário e ele foi aplicado aos profissionais atuantes na área. Obteve-se 30 respondentes, sendo 93% do sexo feminino e 7% do sexo masculino. Sugere-se o incentivo as pesquisas relacionadas à teoria prática e conceitual do secretariado executivo.

Palavras-chave: Ciência; Percepção; Secretariado Executivo.


Palavras-chave


Percepção; Campo Científico; Secretariado Executivo

Texto completo:

PDF