Convergência da contabilidade pública às normas internacionais

Joyce Dias do Prado, Amanda Almeida Paiva

Resumo


Diante do desenvolvimento e o avanço tecnológico em relação às práticas contábeis e das mudanças na contabilidade aplicada ao setor público, foram publicadas 10 (dez) Normas Brasileiras de Contabilidade Aplicadas ao Setor Público  - NBCASP em 2008 e 1 (uma) em 2011, pelo Conselho Federal de Contabilidade, juntamente com a Secretaria do Tesouro Nacional, baseadas nas International Public Sector Accounting Standard – IPSAS (normas internacionais de contabilidade), as quais têm como finalidade fornecer informações mais claras de natureza orçamentária, financeira e patrimonial das entidades do setor público, facilitando a comunicação, a comparabilidade e o entendimento das informações elaboradas entre os países, para que haja uma padronização dos procedimentos utilizados e universalizando a linguagem dos negócios. Desta forma esta pesquisa busca verificar como está o andamento da convergência na contabilidade pública às normas internacionais, tendo como problema de pesquisa, descobrir se houveram mudanças na contabilidade do setor público após as NBCASP publicadas até 2011, verificando também quais são os pontos em que essas normas podem ser comparadas, as suas principais mudanças, as vantagens e as dificuldades da sua adesão e adequação no presente cenário da contabilidade pública. Para tanto, fez-se uma análise em artigos, livros, normas e endereços eletrônicos, elaborando tabela mostrando alguns pontos em que as normas são convergentes e fazendo uma comparação de antes e depois da aplicação das normas na contabilidade pública brasileira, sendo possível perceber que ainda há um longo processo para que se cumpra completamente a convergência às normas internacionais, mas que estudos estão sendo feitos para que este processo seja concluído até 2021.


Palavras-chave


Padronização; convergência; contabilidade; normas; internacionais.

Texto completo:

PDF