Remuneração de Executivos: um estudo das empresas listadas no segmento Novo Mercado da BM&FBOVESPA

Marcos Aurélio Nacimento, Francisco Avelino Assis

Resumo


A presente pesquisa objetivou verificar a prática de remuneração adotada pelas empresas listadas no segmento Novo Mercado da BM&FBOVESPA, identificando as principais características sob a perspectiva da teoria da agência. A divulgação de informações sobre remuneração de executivos, ainda recente no Brasil, passou a ser exigida pela Instrução nº 480/09 da CVM. Nesse contexto de informações escassas e insuficientes, as primeiras pesquisas realizadas sobre o assunto apresentaram resultados divergentes ou conflitantes, indicando a necessidade de novos estudos para melhor esclarecer a dinâmica dos sistemas de remuneração. A análise de 123 empresas selecionadas permitiu verificar a tendência de utilização de significativa parcela de remuneração variável, com benefícios em bônus, participação no resultado e stock options, bem como a adoção de instrumentos de avaliação de desempenho de curto e longo prazo, em consonância com as principais teorias sobre remuneração de executivos.  


Palavras-chave


Remuneração de executivos, Teoria da Agência, Indicadores de desempenho

Texto completo:

PDF