Uma perspectiva sobre a escola na medida socioeducativa de internação para adolescente em conflito com a lei

Darliane Silva do Amaral, Marta Gomes Rios

Resumo


O texto analisa a escolarização na Unidade de Internação de Santa Maria no Distrito Federal. Recorrendo aos procedimentos metodológicos de uma investigação qualitativa em que se aplicou entrevistas semiestruturadas aos professores e adolescentes, a investigação apontou que a escola se configura como um espaço pulverizado de burocracias em detrimento de uma rotina que priorize a constituição do ser humano. Ainda, que em certa medida, não colabora para que haja mudança nos comportamentos dos adolescentes no período da aplicação da medida socioeducativa. Assim, este texto tem como objetivo de estudo investigar sobre a escolarização na medida socioeducativa de internação, ou seja, de privação de liberdade em instituição especializada, em que se destacam a condição peculiar de desenvolvimento do adolescente interno e a obrigatoriedade de frequentar a escola, como um quesito relevante para o processo de avaliação do comportamento do adolescente.


Texto completo:

PDF