A INOBSERVÂNCIA DA MORALIDADE NA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

Jorge Gustavo Oliveira Silva

Resumo


A inobservância da moralidade administrativa nas contratações de estagiários feita por toda administração estatal, seja ela direta ou indireta é algo muito corrente atualmente, entretanto vários entendimentos doutrinários, bem como jurisprudências posicionam-se contrariamente. Analogicamente interpretado, encaixa-se como uma pratica do nepotismo. O objetivo é traçar as primeiras considerações a cerca de um tema alvo de uma enorme fonte de corrupção, porém desrespeitado, visto às escuras, como se não existisse, pelos administradores públicos


Palavras-chave


Direito; Direito Administrativo; Moralidade; Contratação; Estagiários.

Texto completo:

PDF