Suassuna: Um mestre da Literatura Brasileira

Rita de Cácia V.M de Sousa, Pedro Henrique de Morais Batista, Ariadne Borges Coelho, Maria Júlia B. de Holanda

Resumo


Este trabalho tem por objetivo analisar o papel do escritor Ariano Suassuna, idealizador do Movimento Armorial, na criação de uma literatura que buscava no século XX, um projeto estético singular e brasileiro. A obra “suassuniana” é composta por elementos do simbolismo, barroco e marcas da literatura de cordel. Suassuna refletia sobre a necessidade de reconhecer-se herdeiro de uma arte que não precisa ser legitimada pela “imposição” cultural. O fortalecimento e preservação da cultura nacional era o ideal do escritor paraibano. Com o  Movimento Armorial, gestado por ele, buscou estimular a arte literária nacional ao unir elementos populares e eruditos. Alguns conceitos sobre a literatura, sua relação na formação de leitores e os aspectos da literatura erudita e da literatura popular, também, foram analisados, contudo, não há a intenção de sugerir a superioridade ou inferioridade de uma em relação à outra, mas demonstrar a sincronia que pode haver entre elas e proporcionar um entendimento da construção do “universo” de Suassuna. Trata-se de um artigo descritivo, desenvolvido por meio de pesquisa qualitativa e os dados foram obtidos em análise bibliográfica. Os resultados mostram que existe um problema de pouca valorização da arte literária nacional, muitas vezes, provocado por falta de divulgação ou por preconceitos. Logo, a produção realizada por Suassuna é fundamental na produção de novos trabalhos voltados às questões de leitura, cultura e arte brasileira.


Palavras-chave


Arte literária; Cultura; Literatura; Movimento Armorial

Texto completo:

PDF